domingo, 25 de junho de 2017

Solidão

Mais uma madrugada, sozinha
No canto do quarto
Aquela saudade
Minha, será?
Não sei
Não espero mais ninguém chegar
A dor é minha
(Ou eu sou dela?)
Não vai embora
Fica mais
Me sinto sozinha
Não vai embora não
Deixa eu te sentir
Deixa eu sentir qualquer coisa
Nesse canto
Nesse quarto
Nesse escuro
Aqui dentro
Sou eu, será?
Solidão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário