terça-feira, 1 de outubro de 2013

Negligência




Às vezes sinto como se minha existência não dependesse de fato de mim. 
Talvez não dependa mesmo.
Sabe... não sei.
Parece que alguém, em algum lugar, joga os dados por nós.

Um escape talvez. É bom se fazer livre das culpas de vez em quando.
Mas se tudo colaborasse, talvez fosse diferente.

Talvez.

Talvez não. 
Minha vida não pode depender de mim.
Não tenho capacidade pra isso. 
 Eu renuncio. 
Não quero essa incumbência de ser feliz. 
 Quero não ser.
Quem sabe assim, seria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário